Public Cloud or Private Cloud?

Aproveitando ao máximo a computação em nuvem

A computação em nuvem é uma das tendências mais divulgadas em TI. Isso ocorre porque, feita com eficiência, uma infraestrutura 'virtualizada' baseada em nuvem pode oferecer vantagens sobre os data centers tradicionais desenvolvidos nas áreas de desempenho, escalabilidade e até mesmo segurança. À medida que desenvolvem suas estratégias para implementar a computação em nuvem, muitas organizações enfrentam uma opção: Implantar uma nuvem privada ou impulsionar uma nuvem pública. Então, quais são as diferenças entre as duas e quais são ideais para você?

Nuvem pública vs nuvem privada

De modo geral, uma nuvem pública consiste em um serviço ou conjunto de serviços adquiridos por uma empresa ou organização e entregues pela Internet por um provedor terceirizado. Esses serviços usam a capacidade de armazenamento e a potência do processador que não são de propriedade da própria empresa. Em vez disso, essa capacidade (na forma de servidores e data centers) pode ser de propriedade do fornecedor principal (por exemplo, de uma empresa de armazenamento/backup on-line), ou de um fornecedor de infraestrutura em nuvem.

Uma nuvem privada é basicamente uma extensão do data center tradicional de uma empresa que é otimizada para fornecer capacidade de armazenamento e potência do processador para uma variedade de funções. “Privado” refere-se mais ao fato de que esse tipo de plataforma é um recurso não compartilhado além de qualquer vantagem de segurança.

Considerações sobre gerenciamento de nuvem

As nuvens pública e privada têm implicações de gerenciamento. No entanto, ao escolher uma solução de nuvem pública, uma empresa pode transferir grande parte da responsabilidade de gerenciamento para seu fornecedor. Em um cenário de nuvem privada, há uma demanda significativa de recursos para especificar, comprar, hospedar, atualizar, manter e proteger a infraestrutura física. Financeiramente, a implantação de uma nuvem privada também pode criar uma grande despesa inicial de capital, com investimentos subsequentes necessários à medida que novos equipamentos e capacidade são adicionados.

Em um cenário de nuvem pública, as despesas de capital são praticamente eliminadas; o ônus financeiro é transferido para uma taxa de serviço, geralmente com base na utilização e no volume de dados. Manter e proteger a infraestrutura de nuvem pública é responsabilidade do fornecedor, permitindo que a empresa do cliente simplifique as operações de TI e minimize o tempo e o dinheiro gastos na manutenção do sistema.

A vantagem da escalabilidade

Além de reduzir ou eliminar despesas de capital, muitas empresas preferem uma solução de nuvem pública por sua capacidade disponível e sob demanda. O acesso aos recursos compartilhados de uma nuvem pública conforme a necessidade pode eliminar as preocupações com ‘altura livre’ do processo de planejamento de TI, liberando uma empresa para escolher serviços e soluções com base nas metas comerciais, e não nas condições de TI.

Akamai na nuvem

A Intelligent Platform™ global da Akamai, oferece suporte robusto para iniciativas de nuvem pública e privada. As implantações em nuvem privada podem se beneficiar do Ion da Akamai, que acelera a entrega de aplicações. O Steelhead Cloud Accelerator da Akamai otimiza as aplicações SaaS.